REUNIÃO DE NEGOCIAÇÃO TRANSFERIDA PARA 31/10, QUARTA

negociação 3Olá copelianos e copelianas

Por solicitação da Copel, a reunião que retomará as negociações do ACT 18/19 foi transferida de terça, 30, para quarta, 31/10. Os trabalhos da reunião estão previstos para ir das 10h até 17h.

Os sindicatos vão se reunir no dia 30, na sede do Sindicato dos Engenheiros, em Curitiba, preparando as intervenções e as prioridades para a retomada das negociações.

Estamos juntos pelo ACT que consideramos justo!

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

5 respostas para REUNIÃO DE NEGOCIAÇÃO TRANSFERIDA PARA 31/10, QUARTA

  1. tecnicoadm2 disse:

    Sindicatos e copelianos valos lutar por:
    1 – Aumento real nos salários (faz anos que os copelianos não sabem o que é isso, e é o mínimo que a empresa pode fazer para tentar compensar as promoções que não houveram neste ano) – acreditamos que no mínimo 1% é possível;
    2 – Garantia do 13º vale-alimentação incorporado nos 12 meses para os próximos ACT’s;
    3 – Aumento no valor do abono (o próprio diretor financeiro declarou que a situação financeira da Copel está melhor que no ano anterior, então queremos esse reconhecimento) – aumentar por exemplo a parcela fixa para uns R$ 5.500,00 vai agradar a maioria e vai pesar menos para a Copel do que se aumentasse pelo % da remuneração;
    4 – Manutenção do banco de horas (gerentes já falam que com a extinção do mesmo a Copel vai restringir que os empregados façam horas extras para não aumentar o PMSO – que é uma das metas impostas pela Aneel para garantir a concessão da Copel DIS -, porém vale lembrar que muitos empregados estão se desligando pelo PDI e vagas não estão sendo repostas, ou seja, vamos ter que trabalhar por 2 ou 3, e ainda sem poder fazer horas extras).

    • Roberto matos disse:

      Concordo em todos os pontos com vc tecnicoadm2. Até agora ninguém perguntou aos empregados o por quê de terem rejeitado a proposta. Não se trata apenas de um aumento no abono ou reajuste salarial, a questão da extinção do banco de horas é seríssima e deve estar causando muitas insatisfações. O argumento de que os empregados entram na justiça para reclamar horas já compensadas é frágil pois a tendência é de redução natural de ações trabalhistas por conta das mudanças na lei onde o reclamante pode vir a ter que arcar com as custas do processo caso não tenha decisão favorável. Afora isso, o empregado (ou ex) que tiver intenção de reclamar algo na justiça vai fazê-lo por outros motivos. E daí? a empresa vai cortar benefícios dos empregados que ficaram na empresa sempre que houver ações na justiça?

  2. Adriano disse:

    Convém comentar a respeito do plano de cargos e salarios.

  3. Eduardo Sjöberg Borini Mansur disse:

    Sim, não devemos ter perdas nos direitos. Também sabemos que existem outros dispositivos mencionados pelo próprio pessoal do Sodexo, que outras empresas usam, para dar uma bonificação através de um vale refeição. Maneiras existem, basta haver transparência.

    Os pontos críticos são em relação ao vale refeição e salário. O reajuste é ridículo e já estamos pagando para vir trabalhar. Precisamos de reconhecimento e respeito. As campanhas internas em relação à empresa ser premiada existem, mas não há o retorno para o copeliano.

    A empresa não respeita parte do seu patrimônio.

  4. Copeliano disse:

    Hoje é o dia! Sejam firmes nas propostas que precisamos e que são tão importantes para reiteração de nossas conquistas até hoje. força!!!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s