Nossa honra não se compra. Não queremos os 50 reais!

Os sindicatos que compõem o Coletivo Sindical da Copel informam a todos os seus representados que não aceitarão o pagamento do Fundo Assistencial, previsto na sétima cláusula da minuta do PLR encaminhada pela empresa, na qual a Copel se compromete em repassar às entidades sindicais R$ 50 por empregado da estatal.

As entidades reafirmam, desta forma, que não compactuarão com a atitude da empresa em impositivamente alterar o processo de negociação, ignorando todos os esforços dos Sindicatos em propor um acordo de distribuição da PLR baseada no escalonamento de metas e produtividade.

O acordo “rasgado” pela Copel, possibilitaria a motivação dos trabalhadores, uma vez que os valores a serem recebidos na distribuição da PLR seriam proporcionais aos lucros da empresa, ao contrário da última proposta da Copel.

Nem por 50 reais ou qualquer outro valor os sindicatos do Coletivo Sindical da Copel aceitarão a falta de transparência e compromisso da empresa com os mais de 8 mil funcionários que lutam diariamente para os avanços, sobretudo econômicos, da Copel

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Nossa honra não se compra. Não queremos os 50 reais!

  1. dluks82 disse:

    Ah! Eu pago pra ver essa cláusula retirada a pedido do coletivo mas ficou tão bonito o texto: “Os sindicatos que compõem o Coletivo Sindical da Copel informam a todos os seus representados que não aceitarão o pagamento do Fundo Assistencial, previsto na sétima cláusula da minuta do PLR encaminhada pela empresa, na qual a Copel se compromete em repassar às entidades sindicais R$ 50 por empregado da estatal.”

    Pena que o que se escreve aqui, não é nem de longe o que está sendo falado nas assembléias da Capital… Papo Furado coletivo!

  2. henryfiat disse:

    Prá fazer valer essa manchete “Nossa honra não se compra. Não queremos os 50 reais!”….Devolvam também os 2/30, recebido no mês de Outubro. Senão vai ficar claro que estão tentando jogar os funcionários contra a empresa. Ficar com os 2/30 é imoral e ilegal, diante de argumentos absurdos.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s