Trabalhadores da Copel aprovam acordo de trabalho

Por 2.294 votos a favor e 1.805 contra, os trabalhadores da Copel aprovaram a proposta da empresa para o Acordo Coletivo de Trabalho 2014/15. Os votos, resultantes das aproximadamente 50 assembleias realizadas pelo Coletivo Sindical da Copel, foram apurados nesta terça-feira (30), em Curitiba, no Km3.

Durante a apuração também foram contabilizados 6 votos nulos, 3 brancos e 65 abstenções. A votação  apertada, com recusa de cerca de 40%, apesar de resultar na aprovação do ACT demonstra a insatisfação dos empregados da Copel com a proposta da empresa e com a pressão para a aprovação do acordo às vésperas das eleições.

Cabe ressaltar a recusa do Coletivo em levar a primeira proposta da empresa à votação, que, dentre outros itens, previa reajuste de apenas 6,6%. Portanto, a insistência dos sindicatos em avançar as negociações, em propor um novo debate das reivindicações dos copelianos, possibilitou alguns avanços na proposta do acordo.

Dentre os itens aprovados nas assembleias destacam-se o reajuste salarial de 7,5%, aumento do vale-alimentação para R$ 840,00,a inclusão do vale-lanche no ACT com aumento para R$ 100,00, reajuste do auxílio-creche para R$ 400,00 e do educação para R$ 700, e pagamento de abono salarial de uma remuneração nominal acrescida de R$ 4 mil fixo. Confira no site do Coletivo Copel a minuta do ACT com as propostas da empresa em http://www.slideshare.net/armandoje/minuta-39301115.

Com a aprovação, a Copel se comprometeu em pagar o abono até a próxima sexta-feira (3), bem como aplicar o reajuste na folha de outubro. Esta  é a primeira vez em que a empresa pagará as diferenças salariais na data-base.

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

25 respostas para Trabalhadores da Copel aprovam acordo de trabalho

  1. muita gente precisando de dinheiro e não pensando no futuro…

  2. como sempre pensando no hoje e o amanha a DEUS pertence…..brasileiro sempre brasileiro!

  3. kirk27 disse:

    Pra quem ganha bem é fácil pensar no amanhã né?

  4. dluks82 disse:

    Pensando sobre seus comentários e, huummm… Acho que em algum lugar daquele Edital de Concurso que você se inscreveu falava que você seria remunerado por 4hs de serviço. Deixe-me ver, sugestão pra você kirk27 vai ser eletricista plantão em Ouro Verde, Socavão ou alguma outra localidade onde você vai trabalhar 8 horas como tanto quer e tenha certeza, vai ganhar muuuuiiiiittooooo dinheiro. Depois de 6 meses sem vida social você volta aqui e compartilha sua experiência.
    O que você ganha hoje, amanhã será menos ainda pra quem entrar na empresa, isso por causa de pessoas que tem o mesmo pensamento que você!!!

    Tem coisa bem melhor aí fora. Estude amigo e seja feliz…

    • kirk27 disse:

      Rapaz, esperto você hein?
      No edital de quando você entrou estava exatamente o que você ganha hoje?
      Se estava e você se contenta com pouco, sinto muito.
      Se não estava, então fica quietinho no seu canto e não tente atrapalhar os outros a crescer na empresa.
      E apenas corrigindo sua super informação inútil, ninguém que entrar na empresa hoje vai ganhar menos do que atendente 4 horas pois não estão mais chamando para este cargo.
      Fique com seu pensamento e boa noite.

  5. dluks82 disse:

    Sempre fui contra a tudo que de certa forma prejudicasse quem está na ativa e quem entraria depois na empresa. Cito como exemplo a extinta Dupla Função, os sindicatos não tiveram força para sustentar a manutenção desse direito e hoje, temos 3 tipos de funcionários na empresa, um ganha o valor calculado na época quer dirija quer não, outro ganha pelo tempo que dirige e o outro dirige e não ganha nada. você acha justo? Onde está a isonomia da função? Não, não é justo. Anuênio, foi extinto pelos mesmos funcionários desesperados por dinheiro e hoje nem eles nem nós ganhamos o que seria um incentivo econômico por tempo de serviço, um diferencial. Eu mesmo fui um dos eletricistas que receberam quase 25% de aumento me igualando com 3 anos de empresa a eletricistas com mais de 10 anos, enquanto a empresa prometeu ao mais antigos um reajuste que eles nunca receberam, você acha justo? Não, isso não é justo. Ninguém achou justo, vai conversar com funcionários antigos sobre suas motivações em estar na empresa…

    Assim temos hoje duas classes bem distintas de funcionários: Os que tem mais tempo de casa e que receberam tanta porrada da empresa que estão cagando e andando e; uma geração insatisfeita que está chegando na empresa e vendo que a Copel não é tudo aquilo que um dia foi.

    Senhores, não estou aqui para ofender ninguém mas precisamos dar um BASTA nessa situação…

    Eu, assim como 95% dos funcionários também estava precisando de dinheiro mas, votei NÃO e votaria novamente e se fosse preciso daria mais uma vez minha cara a tapa se ao menos pudesse olhar para o lado e ver que estamos juntos e não uns mais a frente e outros mais atrás.

  6. edson balico disse:

    Sem sindicato meus amigos, esse é o nosso problema. Aliás, sem sindicato não, o correto é excesso de sindicato. Cada sindicato tenta puxar a sardinha para o seu prato. Isso divide a categoria. E a Copel gosta muito dessa situação. E neste ano, como a Copel se propôs a pagar 2 dias de cada funcionário aos sindicatos, eles se apressaram para aprovar o acordo. Tenho uma triste notícia para os mais novos de casa, porque os mais velhos já sabem disso: essa situação nunca vai mudar enquanto não formos apenas 1 sindicato, que seja neutro e que realmente represente os nossos interesses e não os deles. Abraço a todos e até o próximo acordo.

    • padzin disse:

      Olha, me desculpe, mas quem aprovou o acordo não foi o sindicato, fomos nós. O sindicato só trouxe uma proposta (por pior que ela seja). Se o sindicato é frouxo acho que somos piores, pois mesmo com um acordo destes, no momento em que nos encontramos na empresa, quem aprovou o acordo fomos nós.

  7. poisze56 disse:

    Gente estou acompanhando a dos bancários. Que exemplo. Mar de ervilhas.
    Lá é ao cotnrário, quem não quer greve é pressionado-convencido, o piso da categoria tem se elevado a cada ano e eles tem conseguido acima das demais classes.
    Distribuem=vendem camisetas para obter dinheiro, se não me engano. Ou seja, não pedem 2/30 quietinhos e temos que descobrir. Mas enfim, foi aprovada a proposta. Respeito. Mas o que quero dar no enfático, é que os nossos sindicatos tem que ir passar um estágio de aprendizado lá. Eles tem faixas, cartazes. “E quase tiram quem quer trabalhar”. Trabalham firme pelo posto. e em prol dos associados, não são acomodados. eles sim merecem uns 5/30. Todo ano é sucesso e satisfação da categoria.
    Por fim no post abaixo, tem novos comentários, inclusive que fiz, mas não quero repetir. Mas ainda acho que a empresa virou acionista majoritária do sindicato.

  8. Acordo 2013
    CLÁUSULA TRIGÉSIMA SEXTA – FUNDO ASSISTENCIAL SINDICAL:
    A Copel repassará aos sindicatos, em favor das categorias, conforme a respectiva
    representação e base territorial, o valor correspondente a um trinta avos(1/30) do salário
    nominal (código 1000) do mês de setembro de 2013, a título de Fundo Assistencial Sindical.
    Esta importância tem como finalidade beneficiar a categoria profissional representada neste
    instrumento pelos serviços assistenciais sindicais

    Acordo 2014
    CLÁUSULA TRIGÉSIMA SEXTA – FUNDO ASSISTENCIAL SINDICAL:
    A Copel repassará aos sindicatos, em favor das categorias, conforme a respectiva
    representação e base territorial, o valor correspondente a um trinta avos(2/30) do salário
    nominal (código 1000) do mês de setembro de 2014, a título de Fundo Assistencial Sindical.
    Esta importância tem como finalidade beneficiar a categoria profissional representada neste
    instrumento pelos serviços assistenciais sindicais

    RESUMO: SINDICATOS CONSEGUEM 100% DE AUMENTO.

  9. henryfiat disse:

    Porquê será que a insatisfação não vem acompanhada de razões no mínimo coerentes?
    – Se compararmos com ACT’s anteriores, será facilmente perceptível que no ano da GREVE, o resultado foi de apenas 1%, e neste ACT, sem Greve, já ganhamos mais de 1% .
    – O Fundo Assistencial Sindical, é Lei e, não vejo problema nenhum o Sindicato reivindicar.
    – Todos os nossos anseios vão evoluindo lentamente. Essa lentidão deve-se a nossa Cultura pouco efetiva. Enquanto as Assembleias dos ACT’s forem representadas por menos de 50% dos funcionários, não teremos o direito de reivindicar nada coletivamente, sem antes, sermos capazes de convencer no mínimo 90% dos nossos colegas de trabalho a frequentar e se interessar por reivindicações salariais nas assembleias e, participar ativamente do processo do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT). Sem esse primeiro passo, será impossível caminhar com acertos. É como, conversar com um Poste. Ou 90% se expõe, exige, negocia, ou, sempre estaremos reivindicando as mesmas propostas. Não vivemos mais numa época de agressões, baixarias…etc. Não podemos desmanchar com a Boca o que ganhamos com as Mãos. Mesmo que seja pago ao Sindicato para nos representar, devemos nos comprometer e, comprometimento coletivo é no mínimo 90%, senão, a força é insignificante. Vivemos numa Democracia e, deveríamos ser mais atentos, mas somos Omissos, Desleixados, transferimos as responsabilidades dos nossos Deveres…muitas vezes somos preguiçosos…até o Requião, chamou o copeliano de Frouxo…Essa troca de ofensas neste Blog, representa o Frouxo, a Imaturidade….Vamos acordar, não adianta nada cobrar o Sindicato se, somos incompetentes…Vamos aprender negociar nossos direitos com maturidade.
    Não resolve a reclamação sem objetivo…antes de cobrar o Sindicato e comparar com os bancários, precisamos renovar os conceitos da base (Inteligência, estratégia, coerência) .
    Primeiro ponto: Comparecer 90% dos empregados nas assembleias.
    Participar ativamente, se expor, não teremos sucesso, apenas divagando neste blog.

    • Dava para pedir mais se quisesse. Se nos comparar aos bancários somos muito bunda mole.

    • poisze56 disse:

      Amigos não se trata, acho eu de presença ou não na assembléia. O Blog é uma comunicação. Não concordo com baixaria, mas sim com questionamento, que devem ser respondidos.
      Quais os custos elevadíssioms que o sindicato alega para os 2/30.? Nem greve houve.
      Essa cláusula dos 2/30 deveria ser exposta no blog antes de acordos com a empresa,
      Mas foi isso.
      Ouvi que os sindicatos dos bancos em alguns lugares fizeram 9 rodadas de negociação e conseguiram mais de 2% de real , melhor piso etc.
      Alguem sabe o piso da empresa? média dos salarios? Acho que dados auxiliam.
      Vi com muita descofiança estes 2/30. Afinal, como já dito, é dinheiro da empresa pra fortalecer sindicato? Achei meio confuso isso. Legal é 1/30 e mesmo assim, há os casos em que não se desconta por lei, levando a carta em outras situações.
      Continuo a achar que quem ganhou neste foi o sindicato e por pouco trabalho.

  10. poisze56 disse:

    Quero lembrar que o cronograma para avaliação e construção do PCS deve ser poto aqui.
    Não pode-se deixar pra ultima hora e dizer algo como é isso aí, fizemos o melhor possível, aceitem e e pronto. (Será?)
    Espero que o sindicato não queira “cobrar” mais por isso que já foi negociado. (Será?)
    Tem muita gente sendo promovida a qual critério? Capacidade? feitos renomados? Tempo de serviço? Muitos sendo transferidos. Por necessidad da empresa, do empregado? em busca de melhor oportunidade e ssimilares?
    E os seniroes e consultores hein?
    São apenas pensamentos, sem intenções. Mas peço que já inicem a colheita de idéias, links sobre o assunto. Para ser um PCS de ganhar prêmios e ser referência, pois a negociação não foi a de se premiar.
    valeu

  11. Bom dia!!! Recentemente o Coletivo acertou com a Copel o Pagamento de adicional de periculosidade para os Leiturista a partir de novembro/2014, mais uma conquista da classe trabalhadora. Parabens ao Coletivo Sindical

  12. Uma pergunta besta, quem se demitiu em maio/2014 tem direito a este acordo?

  13. quepateta disse:

    Vejam que legal:
    http://www.salarios.org.br/#/
    Agora dá pra saber e comparar com a empresa.
    E vejam que o nossa energioa começos, tem muita gente contente escovando os pelos do saco do chefe, lkustrande bem e não deixando ninguém mais fazer e olha que a fila tá grande. Assim vão garantir mais algo no bolso se vier.
    Já quem trabalha, a maioria ficará na revolta mesmo e no boicote, mas o que importa é que op chefe tá feliz com a lambeção. 1 é merecedor, trabalha os outros são só sobrenome ou amigos mesmo.
    amigoenergia isso sim.
    O que o sindicato tem a dizer ou a aconsehar a empresa sobre isso !!!!

  14. grandenm1 disse:

    Rádio peão informa que as reuniões sobre a PLR dos dois próximos anos já começou, com escalonamento do valor recebido de acordo com faixas de lucro atingido.

  15. poisze56 disse:

    Pois é, mais uma vez iremos votar sem saber antes.
    E olhe que os comentários a respeito do sindicato são de dúvidas. Ganharam 2 x os 2/30 e não estamos vendo 2x mais comunicação, trabalho.
    A pressa é indício de algo mal feito, mal pensado.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s