É hora de discutir a PL 2013. Confira o calendário de assembleias e participe!

Começaram na sexta-feira, 7 de março, as assembleias unificadas das 19 entidades sindicais que têm base de representação na Copel, para discutir o valor negociado, de R$ 78 milhões, da Participação nos Lucros e Resultados, referentes ao ano de 2013, a serem pagos de forma linear ainda no primeiro semestre deste ano.

A abertura das urnas será às 13 horas do dia 20 de março, quinta-feira, no KM 3.

Acesse aqui o edital de convocação para as assembleias.

A decisão firmada nas assembleias dos sindicatos com os trabalhadores será apresentada à empresa que, por sua vez, apresentará os valores em assembleias de acionistas e iniciará o processo de provimento dos recursos e o seu respectivo desembolso.

No final do mês de março, Copel e Sindicatos iniciarão o processo de negociação da PL 2014. O objetivo é ter os cálculos em andamento no decorrer do ano para que os trabalhadores possam acompanhar o processo cientes das metas a serem atingidas e dos valores em questão.

Vale lembrar que diferenças relativas aos valores pagos nos 2 anos anteriores estão em discussão na Justiça em ação impetrada pelo Ministério Público do Trabalho, e portanto não foram objeto de discussão nesta negociação.

Veja, a seguir, os horários e locais das assembleias em Curitiba e em todo o Paraná.

 Agenda de Curitiba para as assembleias unificadas sobre a PL 2013

 7 de março, sexta-feira
das 8h às 9 horas, na Agência Santa Felicidade e das 17h às 18 horas, na Agência Sítio Cercado.

10 de março, segunda-feira
das 8h às 9 horas, na Agência Centro; das 12 horas às 13 horas, na Agência Comendador Araújo e das 17h às 18 horas, na Agência Santa Quitéria.

11 de março, terça-feira
das 8h às 9 horas, na Agência Bacacheri; das 12h às 13 horas, na Agência Mariano Torres e das 17h às 18 horas, na Agência Atuba.

12 de março, quarta-feira
das 8h às 9 horas, na Agência Portão; das 12h às 13 horas, na Agência Padre Agostinho e das 17h às 18 horas, na Agência Vila Hauer.

13 de março, quinta-feira
das 17h às 18 horas, no KM3

14 de março, sexta-feira
das 8h30 às 17h30, na sede do Sindenel

Confira os horários das assembleias nas demais regiões do Estado

10 de março, segunda-feira
8 horas: Almirante Tamandaré e Guarapuava
12 horas: Mandirituba
13 horas: Fazenda Rio Grande e Laranjeiras do Sul
17h30: Medianeira

11 de março, terça-feira
8 horas: Quatro Barras e Capitão Leônidas Marques
9h30: Piraquara
13 horas: Pinhais
17 horas: Guaraituba/Colombo
17h30: Irati

12 de março, quarta-feira
8h30: Araucária
10 horas: Lapa
13 horas: São Mateus do Sul
17 horas: São José dos Pinhais e União da Vitória

13 de março, quinta-feira
11h30: Foz do Areia
17 horas: Segredo

14 de março, sexta-feira
13 horas: Castro
17 horas: Telêmaco Borba
17h30: Cascavel, o Auditório DSDO – 3º andar do prédio SEDE, na rua Vitoria nº 105 – Bairro Ciro Nardi.

17 de março, segunda-feira – Litoral
8 horas: Matinhos
11 horas: Guaratuba
13 horas: Pontal do Paraná
17 horas: Paranaguá

18 de março, terça-feira
8 horas: Antonina/Agência
13 horas: Antonina/GPS

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

110 respostas para É hora de discutir a PL 2013. Confira o calendário de assembleias e participe!

  1. coletivoget disse:

    Sindicatos,
    1º Como chegaram a conta dos 78 milhões?
    2º Quantos funcionarios tem a COPEL em 2014?

  2. mariatns disse:

    Copeliano,
    a Copel e o sindicato insiste em te tratar como uma pessoa
    sem conhecimento, ignorante, desesperado e medroso. Até quando
    você vai aceitar isso? Você sabe que tem nas mãos a chance de expressar
    sua opinião de forma simples? Basta votar não para essas propostas sem
    transparência que a empresa tenta “empurrar”.
    Será que você não acha estranho votar uma participação de lucros sem saber
    qual será o lucro da empresa? Você não acha estranho que a empresa de uma hora
    para outra resolva negociar, e por incrível que pareça, em tempo recorde?
    Pois saiba que a PLR não é um favor que a empresa te faz, você tem direito! Se
    fosse um favor você ainda acredita que haveria assembleia?
    Porque será que é tão difícil estipular um valor fixo de 25% do que é distribuído
    aos acionistas? Será que dessa forma não seria mais justo, transparente e simples?
    Você sabe baseado em que a empresa estipulou 78 milhões? E se no balanço a Copel tiver prejuízo? Não era isso que uma antiga diretora pregava?
    Pare para pensar um pouco e você verá que mais uma vez esta sendo passado para trás!
    A hora que tiver um tempinho veja essa matéria:
    http://exame.abril.com.br/mercados/noticias/copel-eleva-pagamento-de-dividendos-e-pagara-r-325-mi-a-acionistas
    É de novembro/2013 e trata do lucro do 1º semestre do referido ano, o ano de 2013 que estamos discutindo para PL.
    Nela diz que a Copel ja distribuiu 50% do lucro líquido aos acionistas, 325 milhões.
    Veja bem, no primeiro semestre o lucro líquido foi 650 milhões, distribuído ao acionista
    325 milhões, calcule 25% desse valor e teremos aos empregados 81 milhões, lembre-se, só no primeiro semestre.
    Ou seja, estamos muito longe do que o próprio sindicato definiu como valor justo de PLR,
    25% do valor distribuído ao acionista.
    Vamos supor que esse valor se repita no segundo semestre, teremos 650 milhões distribuídos aos acionistas, 25% desse valor daria 162 milhões.
    Provavelmente o valor de 78 milhões chegue próximo à 10% do valor distribuído aos acionistas.
    E é esse o motivo de tanta pressa, para você não “crescer os olhos” no lucro que VOCÊ conquistou!
    Porque não brigamos por 10% do lucro líquido? Assim qualquer um saberia quanto vai ganhar, bastando apenas verificar o balanço.
    Então, se você concorda e acha justo 10% vai lá e vota sim, caso não concorde com essa porcentagem, vai lá e vota não. Só não caia nesse papinho de maior valor da história, lembre-se que recebemos uma porcentagem, e se o valor cresce é porque o lucro cresce, e se o lucro cresce é porque você trabalha. Não tenha medo de ganhar 15 mil de PLR, pois seria este o valor justo.

  3. Por mim… que paguem R$2.000,00, R$8.000,00 ou R$50.000,00… só não fiquem enrolando pra pagar… estarei me deligando da empresa no dia que a PLR cair na conta…

  4. coletivoget disse:

    Eu ja sai uma vez e recebi na mesma data que todo mundo. Mas cada um é cada um, e não tenha pressa pq 2 mil como disse, não deve ajudar muito.

  5. Tem gente que se a empresa oferecer 500,00 aceita na hora. Bando de trouxas.. e assim lá se vai mais um ganho nosso do passado

  6. D166ER.01 disse:

    Eu não sei se esse valor é o valor justo, devido e merecido. Nem tenho dados suficientes para chegar a uma conclusão agora.

    Mas certamente esse não é um valor ofensivo. Os 28 mi do ano passado fazem me sentir ofendido até hoje.

  7. alguem sabe me dizer qual foi o lucro da copel ano passado??? em esse dados fica impossivel calcular o valor do PL. Os sindicatos mais que vendidos querem empurrar guela a baixo como sempre. fica complicado assim eim.

  8. Após analisar um pouco eu acho que este valor deve ter batido nas duas folhas de pgto, o que foi acordado lá atras, ou seja se o lucro for muito, mas muito mais que ano passado não passaremos disto, pq o sindicato no passado acordou isto, e agora ao invés de discutir prefere empurrar guela abaixo😦

  9. araponga31 disse:

    Belo comentário escrito pela mariatns. Se não sabemos qual é o lucro, como sabemos qual a quantia deve ser distribuída?

  10. Rafael Dib disse:

    Pessoal, só saberemos, efetivamente, do lucro de 2013 da empresa dia 17/03. Veja no site da Copel para investidores: http://www.copel.com/hpcopel/root/nivel2.jsp?endereco=%2Fhpcopel%2Froot%2Fpagcopel2.nsf%2Fdocs%2FF243A163BBC775FB032576E40041792F

    Não tem explicação. Como calcular um valor de PLR sem o valor principal, que é o lucro de 2013?

  11. Rafael Dib disse:

    De duas uma: ou a Copel está enrolando os funcionários e estipulando um valor abaixo para distribuição, ou irei agora comprar ações da Copel na bolsa, porque já sei o lucro da empresa em 2013.

  12. E a data das assembléias em Ponta Grossa?

  13. Segundo o CCE, Conselho de coordenação e controle de empresas estatais (a Copel se enquadra no “estatais” de acordo com a lei que fala das plr’s, vou deixar o link abaixo pra quem quiser conferir), a empresa pagará na PLR um valor NÃO SUPERIOR a 25% da parcela paga aos seus acionistas (parcela esta do lucro anual). Ou seja, do lucro da copel, que ainda não sabemos qual é, ela vai pagar um valor x pros acionistas, valor que é claro eu também não sei qual é, mas desse valor, ATÉ 25% ela vai destinar aos empregados. Pode ser 5%, pode ser 20%, vai do acordo que fizermos.

    Portanto não sei quanto 78 milhoes representam desse universo de 25%. O que entendi é que é sim uma oferta, e que não está na lei que deveria ter sido calculado a partir de nenhum valor divulgado. Cabe a nós aceitar ou não.

    Esse acordo, que anteriormente era feito por uma comissão, lembra, que elegíamos pelo sistema? hoje está sendo ser feito através de acordo coletivo, as assembleias. Isso também está previsto na lei que eu estou mandando o link.
    Se você prefere meia dúzia de pessoas decidindo por você, ou prefere que todos ou quase todos votem, não sei. Estou gostando mais assim.
    E quanto ao valor, perto dos dois anos anteriores (tempos cruéis diga-se de passagem), acho que dá pra considerar.

    http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l10101.htm

    http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2013/Lei/L12832.htm (modificações)

    • mariatns disse:

      Muito bom seu comentário Cassiana, já ajudou a esclarecer um pouco mais.
      Ainda com relação aos 25% do repasse aos acionistas, vale lembrar que essa porcentagem foi defendida pelo sindicato e inclusive é a base que o MPT pede na justiça sobre a PLR de 2012. Segundo o mesmo, o último acordo entre Copel e empregados, se não me engano de 2010, estabelece a distribuição de 2 remunerações básicas até o limite de 25% distribuído ao acionista, ou seja, a questão das duas folhas da Copel é o piso e não o teto, o teto seria de 25% do que foi repassado aos acionistas. Segue post deste blog sobre isso – https://coletivocopel.wordpress.com/2013/05/24/mpt-pede-na-justica-que-copel-pague-r-67-milhoes-de-plr/.
      Pessoal, é exatamente nessas situações que abrimos mãos de todos os benefícios já conquistados. Caso os empregados aceitem esta proposta e ela for equivalente a menos de 25% estaremos abrindo mão desta conquista e aceitando que daqui para frente a Copel distribua o valor baseado nessa nova porcentagem.
      É inadmissível votar essa proposta sem saber qual a porcentagem ela representa do lucro, pensem bem nas consequências. Se esse valor representar 10%, será isso que vamos receber daqui para frente. Mais importante que o valor final é saber qual a real porcentagem, se existe piso e se existe teto.Uma proposta negociada pelos empregados terá validade inclusive para anos em que não houver negociação. Vamos abrir os olhos.

      • grandenm1 disse:

        Concordo plenamente com o “Mais importante que o valor final é saber qual a real porcentagem” (mariatns) e repudio totalmente o pensamento de pobre “quanto ao valor, perto dos dois anos anteriores (…), acho que dá pra considerar” (Cassiana Zequinão)

  14. cronono disse:

    Tudo isto só indica que o sindicato ta de palhaçada com a gente. Não posso afirmar nada, mas desta maneira faz muitos pensarem que o sindicato tá ganhando uns por fora da copel pra dizer que é boa esta proposta.

  15. dluks82 disse:

    Dirigentes desse coletivo, tomem vergonha na cara… Vendidos!

    Vocês vem com um papo mole, dizendo que lutaram e conseguiram o “maior” valor a ser pago a título de PLR na Copel. Balela… Vocês não fizeram nada. A diretoria, como em todas as outras PLR’S disse que esse é o valor e ponto final.
    O que está por trás dessa votação, o que estamos votando??? “Empregados da Copel, vocês querem receber 78 milhões de PLR? SIM OU NÃO?”
    Mas porque não nos dizem quanto nós temos direito?
    Os copelianos estão sendo enganados por aqueles que deveriam defendê-los… Mas, é fácil entender… Tem dinheiro envolvido e não é pouco!
    A propósito, as ações trabalhistas das diferenças das duas últimas PLR’S vão ser pagas. O detalhe é que vão usar a outra parte da PL desse ano pra pagar e o sindicato ainda vai fazer campanha dizendo ter vencido mais uma batalha por seus representados… Kkkkk

    Vou parar por aqui pra não entrar em política…

    • mariatns disse:

      Vale lembrar que no último acordo coletivo a Copel comprometeu-se a pagar ao sindicato 2 dias de remuneração de cada empregado. Se levarmos em conta que normalmente grande parte dos empregados apresentam a carta de negação ao desconto, talvez a Copel tenha repassado algo em torno de 3 vezes o que normalmente é recolhido quando acontece o desconto na folha. No mínimo algo duvidoso visto os diversos processos em andamento. Bom, cabe a cada um analisar a situação. Só não entendo o motivo pelo qual leva alguém que se sente enganado pela empresa e pelo sindicato dirigir-se a uma assembleia e votar sim.

  16. grandenm1 disse:

    É pelo pensamento “a copel tá pagando mais que o ano passado, então tá bom” que copeliano merece tomar naquele lugar mesmo. A Copel pode estar dando o golpe na gente e nem queremos saber. Parece marido que sabe que é traído e finge não ver. Depois vem o sindicato querer brigar na justiça pelos anos que a Copel não cumpriu a lei, algo que, provavelmente, estará fazendo este ano de novo.

    • Não sei quanto os 78milhões representam em porcentagem no valor que será pago aos acionistas, dizem que talvez seja algo perto de 16% (não tenho a fonte) mas sei que a copel não é obrigada a pagar mais que isso. Ela oferece o valor e nós votamos se aceitamos ou não. Esse ano tivemos um avanço, eu considero um avanço, no que diz respeito as assembleias. Não me sentia bem representada por uma comissão de poucos que não conhecia. O avanço do valor em relação aos dois anos anteriores não dá nem pra questionar. Claro que isso não é argumento pra aceitarmos qualquer coisa, mas é importante reconhecer que houveram mudanças.
      Agora, se queremos ainda mais, como por exemplo questionar o porquê de serem pagas duas folhas, de onde veio esse cálculo, por que nosso percentual permanece esse enquanto o dos acionistas cresce, aí sim o voto NÃO é válido. Só que votar por votar não traz mudanças. Você tem que votar disposta, disposto a brigar pelo que quer e principalmente, saber o que quer. Conhecer o processo.

      • dluks82 disse:

        Bem colocado Cassiana, a questao é: quantos dispostos a lutar por direitos você conhece? Todo mundo quer mas, lutar por alguma coisa é mais difícil então, se vier 8 mil tá bom, se vier 20 mil tá bom e se vier 500,00 tá bom também… O que é inadmissível é ser representado por um sindicato que não informa a base com verdades e aí a ignorância sobre o que está acontecendo direciona a maioria ao erro… Lamentável

  17. pevermelhoo disse:

    Eu sugiro nos unirmos no facebook, twiter, orkut (rs)… e tomarmos frente nesta luta, não deixar só a cargo do sindicato! Temos que entender que uma briga puxa outra… quero dizer que se lutarmos por nossos direitos neste PLR, teremos mais forças para o ACT, mais forças para brigar pelo PCS, etc…
    Precisamos que novos líderes dentro de cada PA, de cada AG ou departamento…
    Esqueça a Copa do Mundo… temos três batalhas próximas que, para quem vai permanecer na Copel, vai definir a nossa situação aqui dentro: PLR, eleições (e os srs sabem o que eu estou falando) e ACT… se neste ano não conquistarmos melhorias, hahahaha… esqueçam!
    Vamos nos mobilizar!!!!
    Chega de ficar entrando aqui no site do coletivo e meter o pau no sindicato…
    Vamos começar a fazer manifestações silenciosas (combinar de vir trabalhar todos de preto, nariz de palhaço, etc)… os meses de agosto e setembro vão definir o nosso ACT.
    E aí… o que acham???

  18. popular1real disse:

    O pior de tudo eh voce postar sua opiniao aqui no blog e o sindicato apagar, para nao ir contra eles…postei um comentario hoje a tarde e apagaram e nao deixaram ser publicado..uma censura bem a la “blac blocks vermelinhos”

  19. vamosaluta123 disse:

    É muito legal esse chamado para manifestações, eu até fiz minha parte quando precisou, mas infelizmente os que botam a cara a tapa são uma minoria e esmagada pela grande maioria que aceita passivamente os mandos e desmandos da Copel. Como eu gostaria de ver os copelianos unidos, mas isso é utopia…Parabéns aos que lutam, continuem, não desanimem, quem sabe um dia as coisas mudam….

  20. quepateta disse:

    Tres coisas estão ocorrendo e na empresa.
    1)–A PLR. Quais as pautas mesmo de votação im ou não? Há alternativas além do judicial?
    2)– Pura energia.
    Muitos já receberam as migalhas, no post anterior alguém comentou que mesmo os de mais baixo desempenho ganhou. e deu risada. Tá certo isso? Alguém puro não recebeu?
    A Radio Patrulha, boata que uns receberammais de 10%. Então, ótimo, eles devem ter raduzido resultados inumeras nezes mais que os demais. Peço aos gernetes que publiquem na recista da Copel, a foto e os feitos para que todos saibam se orgulhar deles e seguir como exemplos suas atitudes. Como é vende em ljas, o Melhor vendedor do ano, do dia e ganha uma TV 32 poleg de brinde. Isso incentiva.
    E também peço publicar quanto veio para cada divisão, ara departamento, diretoria. Como foi a distribuição. em gene que neme sta sabendo que tem isso e que não ganhou.
    É uma questão de puro sangue empresarial a empresa mostrar isso? Ou tá escondendo algo?
    3) — A promoção. Não consegui desta vez.
    Os critérios foram os mesmos? Todos souberam? Todos participaram? OS resultados foram transparentes?
    Uma empresa puro sangue tinha que divulgar antes tudo e porque para algumas áreas também nem souberam, ou o dinheiro foi distribuído e decidido por não haver promoção naquele diretoria.
    A empresa está com baixo desempenho, em divulgação completa. Há muita coisa oculta e debaixo da cortina.(É debaixo mesmo, no chão.)
    A empresa se omite, parcializa notícias, mostra que tá ajudando, mas quem?
    Quem ganhou mais de 10% como puro sangue? Ou a percential não está relacionada a isso?
    Este dinheiro é de motivação política? Vão daí votar em quem?
    Cada diretoria está independente? mas e a Holding< como fica? Tá faltando muita informação.
    Vamos pensar os motivos? É assim que se trata os colaboradores?
    E o gerente que premiou o queridinho. Será questionado como puroi sangue?
    São tres coisas que estão indignando muitos, humilhação por não enterdermos e sermos ignorados.

    e Finalmente. Qual a posição do sndicato. O sangue puro do Sindicato deve questionar estas ações e divulgar, ou nem estava sabendo de alguns casos.

    Pra pensar. A empresa está com a conduta ferida e ferindo as pessoas que nele tentam acreditar.

  21. Ao meu ver os sindicatos não deveriam nem trazer uma proposta as escuras a nós, não sabem o lucro, perguntado aqui em Telemaco Borba quanto é a folha da Copel o Sintec Respondeu: Não Sei … Entaum, se naum sabem a folha e não sabem o lucro para tudo… Se trouxer pro copeliano aprovar a maioria aprova qqr valor😦

  22. leonardosix disse:

    Caros dei uma analisada no RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO E DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 2013, publicado ontem 17/03 e fiquei
    de boca aberta, realmente não é a toa que a empresa ofereceu 78 milhoes sem justificar a que referia esta quantia.
    Resumindo, do Lucro Liquido Ajustado (valor referencial para distribuição de dividendos aos acionistas) a copel destinou
    aos mesmos R$ 560,537 milhoes, ou seja se fosse pagar o minimo de 25% do que vai dar aos acionistas a titulo de PLR
    para nós empregados, o valor não seria 78 milhoes e sim quase o dobro , 140 milhoes, ou seja nossa PLR linear seria mais
    ou menos 15 mil reais.
    Era de se desconfiar a empresa oferecer aquele valor e em momento algum informar de onde tinha tirado esta base.

    Caso eu esteja errado nos valores por favor me corrijam, fiz apenas uma leitura do que foi publicado, que quiser ver é só entrar no site da copel, abaixo segue o trecho:

    Relacionamento com acionistas e investidores
    Ao final de 2013, 25.282 acionistas participavam do capital social da Copel, correspondente a
    R$ 6.910,0 milhões, representados por 273.655 mil ações, sem valor nominal.
    Distribuição de dividendos e juros sobre o capital próprio
    A partir da Lei nº 9.249/1995, a Copel adota, como política, a distribuição de juros sobre o
    capital próprio em substituição aos dividendos, de forma total ou parcial. Estatutariamente, o
    montante de dividendos distribuídos é de, no mínimo, 25% do lucro líquido ajustado, de acordo
    com o artigo 202 e seus parágrafos da Lei nº 6.404/1976.
    Desde 2011 a Copel vem praticando um payout de 35%. Em dezembro de 2013 foi antecipada
    parcela referente ao lucro do primeiro semestre do exercício de 2013 que correspondeu a um
    payout de 50%. Lucro Líquido
    Em 2013, a Companhia obteve lucro líquido de R$ 1.101,4 milhões, sendo 51,6% maior que o
    obtido no exercício anterior, de R$ 726,6 milhões.

    (Embedded image moved to file: pic22929.gif)

    A distribuição de dividendos e/ou juros sobre o capital próprio da 1ª parcela de 2013 está de
    acordo com a antecipação de pagamento de Juros Sobre Capital Próprio – JCP da Holding para
    seus acionistas, proposta na 2.074ª Reunião de Diretoria de 11.11.2013, autorizada na 119ª
    Reunião Extraordinária do Conselho de Administração, de 13.11.2013, considerando os
    resultados obtidos pela Companhia até 30.06.2013, bem como a oportunidade decorrente da
    disponibilidade de recursos em caixa, a conveniência administrativa da medida, o benefício
    fiscal advindo da Lei Federal nº 9.249/1995 e o procedimento previsto na Lei Federal nº
    6.404/1976 (Lei das S.A.) e no Estatuto Social da Companhia. O CAD aprovou a antecipação
    de parcela de dividendos e de parcela de JCP em substituição aos dividendos do exercício de
    2013 no montante de R$ 325,0 milhões correspondente a 50,0% do lucro líquido ajustado do
    primeiro semestre, com pagamento em 16.12.2013 aos acionistas com posição até 26.11.2013,
    de acordo com a Lei nº 9.249/1995, cujo valor será compensado por ocasião da definição dos
    dividendos anuais de tal exercício,

  23. dluks82 disse:

    Quero aproveitar e dar os Parabéns aos dirigentes do coletivo…
    Alcançaram os “seus” objetivos e não os nossos…

    Espero que a fatia que coube a vocês seja realmente boa porque eu assinarei de próprio punho que não autorizo o desconto de nem uma hora sequer quanto mais um dia do meu trabalho.

    O que vão fazer agora??? Vão provar que não estão nos enganando como? Ou vão dizer que também foram vítimas?

  24. cronono disse:

    E agora coletivo? . Poderiam não ter aceitado fazer votação antes da divulgação do resultado. Vão responder ou ficar calados?

  25. mariatns disse:

    caro dluks82,
    infelizmente você não terá a opção de negar o desconto, sabe porque? porque no nosso último acordo coletivo tem uma clausula dizendo que a Copel fará o pagamento do dia de salário de cada empregado, opa, um não, dois dias ….rs ……. ou seja, a Copel que paga o sindicato, dos empregados não haverá desconto. No mínimo estranho né?
    Quanto ao valor todos sabiam que estava bem abaixo, ou fingiam não saber …
    O problema estará nos próximos acordos, onde a Copel irá se basear pela porcentagem paga nesse acordo, onde os EMPREGADOS aceitaram a redução de 25% para 14% … e a vida segue ….

    • dluks82 disse:

      realmente mariatns, o sindicato se vendeu desde o ACT… Então a empresa que pague o que prometeu, ou seja, os dois dias… O terceiro que seria o meu, esse não vai rolar…
      Estamos no mesmo barco meus colegas…

  26. pevermelhoo disse:

    Será que o sindicato é tão inocente assim… ou nós que somos tolos???
    Na Copel vivemos em um ciclo de idiotices: não temos o prometido PCS efetivado, a inflação acaba com nosso mísero salário, os ACTs não são favoráveis aos empregados… e por fim, quando a empresa nos prepara uma proposta de ganharmos um pouco mais, acabamos aceitando para pagar as dívidas acumuladas… gastamos o dinheiro e o ciclo recomeça!

    Espero que um dia a maioria dos Copelianos enxerguem que esta em jogo não são alguns mil reais, mas a dignidade de casa um… naquele cliente chato que o atendente teve que engolir, naquela ocorrência no meio da tempestade, no gerente chato e engomadinho que temos que aturar, enfim… tenho vergonha de cada um de NÓS, por não nos valorizarmos…

    Sinto dizer, mas os funcionários de limpeza do RJ, que entraram em greve a umas semanas atrás, alguns colocando em xeque a própria subsistência, possuem mais dignidade que NÓS Copelianos! SOMOS uma cambada de BUNDÕES…

    Eu votei não… mas me coloco em tudo que eu disse por não ter tido coragem de dar uns tapas na cara de meia dúzia de colegas!

    Desculpe se ofendi um ou outro… mas a verdade deve ser dita!

  27. grandenm1 disse:

    Não podem reclamar dos sindicatos. Foram eles que votaram por vocês? Não foi. Todo mundo sabia que a Copel não tinha divulgado o lucro ainda. EU votei NÃO.
    Cadê aqueles que disseram que o valor oferecido na PLR dava para ser considerado bom, já que o ano passado foi ruim? Cadê os que têm pensamento de pobre e se contentam com pouco quando podem ganhar mais?

    • dluks82 disse:

      grandenm1, cada um votou por si próprio… E sim estamos reclamando do sindicato porque “fomos” enganados como representados, eu não fui enganado sozinho, então não me interessa o seu voto, pois quem se esconde atrás de um pseudônimo pode dizer qualquer coisa, inclusive que votou NÃO!
      Quem disse que o valor era bom? O cara de pau do sindicato! Com o papo mole que após muito esforço e discussões conseguiram esse fenomenal valor, “o maior valor já pago pela Copel” segundo ele! O valor é maior, sim, claro… As assembléias foram realizadas com a intenção de levar ao erro a decisão dos representados.

      • grandenm1 disse:

        Tadinhos daqueles que foram enganados pelos sindicatos, como se não tivessem cabeça para pensar e buscar informação. Que dó! As assembleias foram uma arma da Copel, já sabendo que daria sim.
        A minha resposta como anônimo ou não seria a mesma.
        E quem disse que o valor era bom? Leia os demais comentários que verá.

  28. Lucas Santos disse:

    Na semana passada, ao realizar a votação em nossa unidade o nosso amigo do sindicato sintec disse que não havia muito o que fazer pois esse valor de 78 milhões foi um valor altamente discutido e conquistado. O que mais me irritou foi a forma como ele respondeu quando foi perguntado sobre o enquadramento das promoções que estão travadas, dizendo que apenas 30% ganhariam a tal promoção e que quem ganhou, ganhou. e quem não ganhou terá que esperar, falou com um descaso como se isso não importasse, nós que estamos a quase um ano com essas promoções travadas e os sindicatos não fazem nada por isso. Cade o plano de cargos e salários da empresa? Os sindicatos resolveram ficar quietos por que será? Agora estou sabendo que quem era sindicalista recebeu o enquadramento, para também apagar o fogo, pois e como se fosse um calaboca. Uma vergonha que lutarem por alguns e tentam nos enfiar garganta abaixo uma plr sem ao menos saber o balanço patrimonial da empresa. Vergonha isso sim!!!
    O que eles querem é que aprovamos a plr logo, porque será??

  29. leonardosix disse:

    Eu tambem estou muito desanimado com a copel, estou a 9 anos na empresa e ganhando o mesmo salario de quem entrou a 4 anos. Ainda tive que escutar o “aloprado” do meu supervisor chamar todo mundo e falar que teve que escolher alguns pra promover e usou o criterio de tempo de empresa pra premiar os outros. Porra, que merda eh esta, que pura bosta de energia somos? Fiz meu serviço certinho, procurei dar meu melhor, recebi um notes falando que eu era pura energia, e chega um cara desses e diz que deu a verba pros mais velhos? O que eles fazem quebos mais novos nao fazem? Mas eu guardei os notes do.presidente , e aquele do.pura energia, e assi, que eu sair da empresa passando em outro concurso vou entrar na justiça com danos morais, quero que me expliquem essa palhaçada.agora me digam, depois dessa verba da discordia, quem nao ganhou nada como eu, vai ter animo pra que??? Agora com esta palhaçada da PLR , putz to de cara!!!

  30. Mas e aí? O SIM ganhou disparadamente? Cai quando o dinheiro na conta? Tenho que pagar as passagens pra europa logo…

  31. vamosaluta123 disse:

    Galera, eu votei NÃO, simplesmente porque o pagamento do PLR é só em maio, e se desse NÃO, teríamos um mês ainda para oS sindicatoS lutarem por um valor maior já sabendo o lucro da Copel.
    Já estava visto que essa votação de agora era uma armação, porém fica as perguntas e se os sindicatos e os que votaram sim respondam:
    1 – Qual foi o interesse dos sindicatos em fazer essa votação sem saber do resultado do balanço da Copel?
    2 – Será mesmo que os sindicatos não sabiam que essa bondade toda da Copel era um golpe?
    3 – E agora mais uma vez os sindicatos deixaram transparecer que foram transparentes com seus sindicalizados, ou como explicar essa palhaçada???
    4 – Senhores que votaram SIM, perderam a oportunidade de pelo menos tentar ganhar algo mais, pois os 78 milhões já estavam garantidos visto que terão que esperar mais de um mês para ver o PL na conta.
    5 – É por esse e outros tantos motivos que a partir de agora eu desisto de lutar contra a maré, toda votação que tiver daqui para frente vou anular meu voto, e se todos que votaram não fizer o mesmo ficaria legal a votação final. (exemplo – SIM = 80% NÃO=0% NULOS=20%).

  32. poisze56 disse:

    Diante do fato de que o balanço foi publicado hoje, um dia após encerradas as votações.
    Penso que diante de novos fattosa e dados, deveria fazer nova votação, pos temos tempo hábil,
    Outra coisa.
    Pelo que leio, estariamos entre duas pontas afiadas, de um lado a copel e do outro o sindicato Então, se assim for, SOCORRO, quem poderá ajudar ?
    Para que o sindicato e a copel, não estão realmente preocupados com os empregados. E somente pensam em si. Socorro se assim for.
    Sindicato, mais clareza aqui, pois mesmo voando, a pesoa so sabe dos detalher na hora?
    Voces do sindicato tem que ter mais clareza, ser vidraça transparente.

  33. Gilson Auter disse:

    Cadê a resposta de alguém dos sindicatos? Estão com medo de quê?

    Acharam que ninguém ia perceber essa jogada suja de vcs?

  34. atendente4h disse:

    SINDICATOS VENDIDOS,
    Cade o sindicato que não dá as caras aqui mais, pessoal agora existe a copel de um lado, o sindicato que não podemos confiar mais, e nóis copelianos

  35. atendenteoeste disse:

    1.1. a partir de 1º.04.2014, as promoções funcionais ou salariais (exceto a salarial decorrente do Acordo Coletivo de cada categoria);

  36. atendenteoeste disse:

    São vedadas, Opps faltou esta parte.

  37. D166ER.01 disse:

    O sindicato não é livre para decidir, nós é que somos.

    O sindicato recebeu uma proposta, a proposta não era absurda, o sindicato encaminhou pra votação. Só isso.

    E quanto à alegação de que não tinhamos todas as informações: FALÁCIA.
    Falta de informações só induz ao erro quando não se sabe que faltam informações.

    E tem mais, o fechamento do primeiro semestre já era conhecido. Dava pra estimar o segundo.

    Mas eu concordo com vocês: PREFIRO POR A CULPA NOS OUTROS.

  38. vamosaluta123 disse:

    Site do Sindelpar:
    20/3/14
    RESULTADO DA VOTAÇÃO DA PLR
    Total de votantes: 2.774
    SIM 2.058
    NÃO 668
    BRANCO 3
    NULOS 2
    ABSTENÇÃO 43

  39. poisze56 disse:

    Penso que podia-se esperar ou questionar a empresa sobre o lucro anual antes.
    Se for assim sempre, é melhor seria mais agil a empresa propor uma votação interna sem o sindicato.
    Ah, mas é a lei, o sindicato nos protege. Certo entendi.
    Penso que o sindicato não pode ser apenas o do recado da empresa.
    No passado, brigou por reunião
    MAs para que, apenas para repassar informação da proposta ?

  40. plantao10 disse:

    Boa noite!

    Amigos copelianos, para iniciar a conversa devo informa que não esta autorizado a repassarem esse e-mail para ninguém, não esta autorizado a imprimir ou utilizar qualquer conteúdo dele vinculado ao meu nome ou de qualquer outro colega de trabalho.

    Esse assunto trata-se de hipótese, não quer dizer que ira acontecer, mas todos os sindicatos tem por obrigação informar todos o prós e contra em qualquer votação.

    A Copel ofereceu 78 milhões, sem nem ao menos saber qual seria o seu lucro no ano, isso trata-se de valores e em PLR nos últimos acordos eram em (%) ou melhor 25 % do recebido pelos acionistas.

    Como todos sabem o MPT entrou na justiça ano passado pedindo que o pagamento, referente ao PLR 2011 e 2012 fosse feito pelo ultimo acordo, como não houve negociação prevalece o ultimo acordado, resumindo já tínhamos garantido 25% do recebido pelos acionistas.

    Pergunto, porque aceitar um valor já garantido, se já sabíamos que o lucro da Copel no primeiro semestre era entorno de 650 milhões, onde os acionistas receberam 50%, por volta de 325 milhões; Teríamos direito de 25% do recebido pelos os acionistas entorno de 81 milhões. Pelo ultimo acordo já tínhamos direito desse valor.

    No acordo foi incluído uma clausula que os acionistas tem que aprovar qualquer valor a ser pago de PLR, resumindo a Copel ofereceu 78 milhões, mas não garantiu que seria pago, não sou hipócrita para esconder que ela sempre quando ofereceu valores nos acordos anteriores também foram com a condição de aprovar pelos acionistas, e sempre aprovaram, mas diante dos últimos fatos acontecidos em 2012 e 2013 temos que ficar com as antenas ligadas.

    Com esse acordo a Copel foi beneficiada, se ano que vem ela não fizer uma negociação de PLR, prevalecera o último acordo, onde diz que são os acionistas que aprovam o valor da PLR; E o pior de tudo, ela com certeza utilizara esse acordo para se defender da ação que o MPT esta movendo contra ela, onde pede 25% do valor recebido pelos acionista.

    Supondo que a Copel divide 50% do lucro do 2º semestre para os acionistas, mantendo o percentual do primeiro semestre, no ano isso daria por volta de 550 milhões, e o valor de 78 milhões oferecidos por ela é igual a 14%. Agora vocês tem duvida que os advogados da Copel irão utilizar esse acordo para se defender da ação movida pelo MPT, dizendo que os trabalhadores aceitaram 14% que 25% e exagero.

    E bom lembrar que o MPT entrou na justiça não foi porque o sindicatos pediram, e sim porque a Juíza ágil com competência e caráter, onde o que mais ajudou a essa ação a sair foi a postura da Copel radical, que não aceitou negociar.

    Espero que todos reflitam antes de votar, porque podemos perder tudo que conseguimos ano passado com a ajuda do MPT.

    Ass. POR UMA COPEL MELHOR PARA O POVO PARANAENSE.

  41. mariatns disse:

    infelizmente a grande maioria dos copelianos aceitaram mais uma derrota para a categoria,
    ratificando um ano de 2013 com grandes perdas aos empregados, um ano onde tivemos as promoções bloqueadas (alegando que a empresa estava quebrada, esta aí a verdade), onde muitos tiveram aumento de trabalho, visto as aposentadorias, onde muitos estão sendo pressionados a cumprir metas, e mesmo diante de todos estes fatos conseguimos dar a empresa um lucro recorde e enchendo o bolso do governo e dos acionistas. Infelizmente alguns foram induzidos pelo sindicato a aceitar uma redução de aproximadamente 50% do valor justo que deveríamos receber. Fica de lição que infelizmente o sindicato esta serviço da empresa, ou pelo menos deixa parecer isso, até mesmo pelo fato de em nenhum momento ter se manifestado aqui, e mostra mais uma vez que a maioria dos nossos colegas permanece reprimida e ignorante aos assuntos do seu interesse. A desculpa para esse ano já foi dada, ano de eleição, significa que não teremos promoções, e para o próximo acordo coletivo a desculpa já esta engatilhada, 2015 ano de renovação de contratos, ou seja, não teremos grandes conquistas. E assim vamos seguindo, a empresa fingindo que valoriza os empregados, o sindicato fingindo que defende os empregados, e os empregados fingindo que acreditam em tudo isso. Boa sorte a todos(as) !

  42. vamosaluta123 disse:

    Os sindicatos estão tão omissos que nem o resultado final da votação postaram aqui…

  43. dluks82 disse:

    Tem muito trouxa que se “alguém” disser: Esse mês vou te pagar só 15 dias de trabalho! Responde: SIM, eu concordo!

    E os sindicatos se divertem…

  44. dluks82 disse:

    O pior são esses: “O sindicato não enganou ninguém, vocês votaram, vocês escolheram!!!” Tá defendendo quem amigo?
    Isso mostra a preocupação do indivíduo quanto ao seu próprio direito. Como se a Dilma não me representasse mesmo eu não tendo votado nela.

    Se o meu voto, decidisse a minha causa eu não me importaria com os outros. Eu votei NÃO então eu vou receber a PLR integral e quem votou SIM receberá os 14%!!! Antes fosse…

    Continuamos com o título de trouxas…

  45. vamosaluta123 disse:

    Galera, pelo que sei, somos mais de 8000 mil funcionários e somente 2774 mil votaram. Não dá nem 35% do total. O que aconteceu com os outros que não votaram???? Depois querem união para fazer paralisação, greve, etc…tenham dó….nós merecemos a diretoria que temos…e merecemos se ferrar….

    • pevermelhoo disse:

      Caro… teve gente que nem ficou sabendo da votação!… Assim como teve gente que foi impedido de votar porque estava TRABALHANDO!… Nos PAs se eles não brigam para poder ir votar, são desconsiderados…
      Também acho que 35% é pouco demais (e aprovaram com 74%)…
      Esperem a palhaçada do ACT… o sindicato já poderia iniciar a distribuição do nariz de palhaço para os funcionários…

  46. juu86 disse:

    Ta blz… ja fizeram a M…. de aprovarem a votação… ok… qdo recebemos então?????? c for pela afobação q foi feita a votação, deve ser esse mês neh??????? naum haveria lógica uma votação taum rapida, sem esperar o balanço anual do empresa, sem o motivo de receber a grana logo… ou seja… que recebamos logo isso

  47. poisze56 disse:

    Pelo que sei, a assembleia, para votação independe de percentual, se comparecer 1 ou tres, tá valendo, desde que divulgada de forma direta ou pública.
    Então a votação é válida e devemos respeitar. Quem não pode comparecer, paciência, deixou-se representar pelos que foram. E o critério nas assembléias.
    Podemos questionar, melhorias para o próximo ano, pois parece que o sindicato é cabeça dura de aprender e tem que engolir estas dúvidas básicas de boa administração de tempo.
    Demora aqui, às pressas ali. E quem ganha, quem perde?
    Voces que pensem sobre isso.

    • vamosaluta123 disse:

      E você acha justo que uma minoria decida pela maioria?? Porque todos não tiveram chance de votar? O PL só vai ser pago em maio, os sindicatos poderiam programar melhor essa votação para que outros tivessem a oportunidade de votar. Por exemplo, ficar de plantão e aguardar o horário que os funcionários saem para ir embora para realizar a votação, é só ter força de vontade. Mas será que essa era a vontade dos sindicatos?? Ou o interesse era realizar a votação o mais rápido possível? E qual esse interesse??? Há muita pouca transparência nessa negociação, e não estou questionando o valor, apenas a forma como foi conduzido esse processo….há!!! se a verdade aparecesse….

  48. E aí? Cai quando na conta?

  49. kirk27 disse:

    Para quem recebe seus R$5000 ou R$6000 é muito fácil falar NÃO!

  50. E aí? Cai quando na conta??

  51. leonardosix disse:

    Ouvi falar que ate sexta agora estará na conta!!!!! vamos aguardar

    • vamosaluta123 disse:

      Cara, essa é de duvidar. Com a pagamento na conta e a folha do mês fechada, isso é quase impossível, além do que, a reunião dos acinonistas para aprovação do pagamento do PL nosso está marcada para o dia 24 de abril. Acho que essa informação é furada….embora gostaria que eu estivesse errado, afinal, segundo o sindicato a proposta já foi aprovada por nós que é o que interessa nesse momento….

  52. grandenm1 disse:

    Vejam o quão escrota foi a Copel em antecipar a votação para antes da divulgação do lucro que, conforme informou o vamosaluta123, a aprovação do pagamento da PLR ocorrerá somente daquia a um mês. E 2.774 caíram feito trouxas.

  53. poisze56 disse:

    O sindicato deve fazer uma pesquisa na tela on-line para saber se os colegas confiam em suas ações. Credibilidade no acompanhamento das ações da empresa.

    Estamos aqui discutindo sobre o 1% e alguma quirera a mais da folha que a presidencia divulgou que seria antecipado e sendo assim, cada um teria 1% (mo mínimo) ou mais neste mes.
    Quem não recebeu deveria questionar para o sindicato saber para qual conta foi a parte dele.
    Os gerentes podem se dar aumento? Distribuir esse percentual da folha numa maior parte entre eles?
    Foi misturado com a promoção o dinheiro que era para ser ao menos 1% para cada um???
    Quem não recebeu? Não teve adiantamento ? Adiantamento do que então?
    O Pura energia ficou desacrediado? Era destes 1%
    Esta votação pode ser anulada? O Sindicato já encaminhou o sim diante de novas considerações?
    Sindicato!!! gentilmente pronuncie-se que agradecemos e queremos contar com voces que nos representam e que recebem de nós.

    • pevermelhoo disse:

      Concordo com você! Precisamos de maiores informações…

      Diante dos fatos (a votação ter sido anterior ao anúncio do lucro), temos todo o direito a uma nova votação, pois esta escancarado a má-fé!

      Se a apresentação da proposta para a Copel é SÓ no dia 24/04, é tempo mais que suficiente para uma nova votação! A NÃO SEEEEEERR, que o sindicato tenha interesse que o SIM prevaleça!

      Deixo aqui registrado que não sou contra o sindicato… e as especulações só surgem devido a falta de informações. Falta transparência!

      No meu ponto de vista, leigo, se o sindicato fizesse nova reunião com todos, ninguém iria questionar sobre a validade da primeira votação… e quanto a COPEL, como não teve reunião nenhuma para “assinar o papel”… podemos alterar nossas decisões.

  54. dluks82 disse:

    O Pura Energia é furado!

    Uma avaliação de desempenho sem pé nem cabeça quanto ao método associada a uma meta de produtividade absurda que se utiliza de um sistema de cálculo falho (como posso confiar em um sistema que permite obter 150% de produtividade??? Aí vem o bacana e diz: “O que está acima de 100% pode desconsiderar, o pessoal está fazendo os ajustes necessários.” e quando dá 80% vem com o ferro na mão: “Você tem que cumprir o TAC que assinou, sua produtividade está abaixo da meta! Se tornar a repetir terei que lhe advertir.”)

    Eu me divirto com isso.

    Todos, do operacional, se matando de trabalhar, seja em agências ou em plantões sob pressão de ignorantes, que se baseiam apenas em números e não tem nenhum tato com pessoas que são seus liderados, sua equipe.
    O que os motiva?

    O pura energia… Kkkk

    • inri11 disse:

      blablabla….vamos unificar todos os sindicatos e nos filiar á CUT! ai o bicho pega…a votação pode ser anulada por nós a pedido ao MPT devido a falta de informações, justificando que não houveram informações claras e suficientes fornecidas pelos nossos representantes. vamos pra cima dos 25%, sem dó!!!!

  55. inri11 disse:

    Vamos levar o acordo da PLR para o ACT, aí fica tudo escrito e assinado, como deve ser e você colega, preste mais a atenção antes de votar, chega de ser induzido ao erro, vamos pesquisar e ver mais informações, são 60 anos de descaso, agora chega!!!

  56. inri11 disse:

    CEMIG 3,1 Bi lucro e PLR 18000 garantido, igualzinho ao nosso, uma vergonha!!!!

  57. vamosaluta123 disse:

    Infelizmente somos fracos e os sindicatos nem se fala…

  58. vamosaluta123 disse:

    Galera, está havendo um boato na rádio peão que a Copel vai pagar uma linha 1000, para tentar acalmar os animos dos que estão insatisfeito por não ganharem aumento…é claro, que se for verdade, com certeza o motivo não é esse e sim satisfazer os altos salários que terão que se contentar com a divisão linear do PL. De qualquer forma se alguém tiver alguma informação mais real, por favor comunique aqui, pois se depender dos sindicatos só vamos ter certeza na hora em que a Copel anunciar, e é capaz dos sindicatos dizerem que eles que conseguiram essa linha 1000. Companheiros vamos ficar atentos…

    • dluks82 disse:

      vamosaluta123, eu ainda não ouvi nada sobre isso até porque estou em férias mas, NÃO duvido que seja verdade.
      É o que estou dizendo desde a meu primeiro comentário, estamos fazendo papel de bobos, os sindicatos estão defendendo interesses próprios e não os dos representados…

      Que se manifestem os Pró-Sindicatos que estão anonimamente por aqui…

      Cansei…

  59. dluks82 disse:

    Após um longo tempo o sindicato abriu o Facebook e olha a resposta que me deu:

    “… não entendi o que voce quis dizer com vendido, gostaria que explicasse. Não sei se voce participou da assembléia na sua região, mas quanto ao valor a copel limita em duas folhas, por isso deste valor. Quanto ao pagamento os acionistas ainda irão aprovar ou não o pagamento, isso no dia 24/04. Quanto ao pagamento da diferença da PLR 2011/12 a ação corre na justiça, com audiencia marcada para julho. Tirei uma cópia do seu questionamento e estou enviando para a promotora do ministério público, Dra Margarete, onde voce fala que fomos vendidos, isto inclusive inclui ela.”

    É mole??? Estou fazendo uma cópia desta página para acontecimentos posteriores.

  60. personavenia disse:

    Óbvio, os animos estão exaltados. Normal talvez, inconformismo, educação deixada de lado, de repente alguém pode ficar ofendido, coisas desta natureza.
    Tenho conversado com amigos e escrevemos daqui, cada qual com suas notas.
    Gente. O que está acontecendo? tuít,face,blog, cartas anônimas, ouvidoria, auditoria, quanta coisa. Quando se envolve dinheiro, um acusa de ladrão daqui, outro dali.
    O que está faltando?
    Agendamento. é uma resposta.
    De nada custaria o sindicato postar sobre o processo a cada 30 dias, nem que seja repetição, apenas para dizer que está vivo e acompanhando. O sindicato fica meses sem nada comentar
    daí posta algo, não comentários, sem participar de idéias etc. É óbvio que isto causa indignação. É óbvio tambémque qualquer um pode acessar um site para saber do processo. Mas e então um jogar a tarefa ara outro, então, bye bye blog. Quem paga quem quem deve trabalhar nestes casos?
    Mas qual é mesmo a revolta com o sindicato? Pensem.
    Óbvio que qualquer um pode acessar um site para saber do processo.
    Mas qual é mesmo a revolta com o sindicato? Pensem.
    Transparência ou quem sabe ausência na questão mais proximidade participativa.
    A lentidão em respostas é outra indignação. É só ler os posts que percebe-se.
    Querer usar de força de lei não demonstra maturidade no sentido de coleguismo. Não sei se me
    fiz entender. Mas tem-se que tolerar, porém mediar evitar abusos com aconselhamentos.
    Voces tem idéia de quantas vezes o governo está na internet criticado como roubaisso ou desvia aquilo? São milhões de sites, blogs, comenários. A essência é insatisfação, querer ver resultados para a sociedade.
    Vamos manter o nível e acertar melhor a adminisração nas mídias.
    Muitos já desistiram deste blog por nada mais agregar.
    Se colocarem as agendas, das pendências e derem um Oi de vez em quamdo. mostrar que nível se
    deseja. A coisa amadurece.
    Eu tenho muitas críticas particularmente a comportamentos, do sindicato, da empresa e inclusive da conduta dos colegas. Vamos discutir sobre isso ok pessoal!!!!! Postem seus cases da RP.
    E.G: Tem departamento inteiros que nada produzem de fato, só marketing cuja pouca atividade poderia ser absorvida por outras áreas, logo melhor produtividade de mão ociosa e menos GF.
    Ou outro dia a RP falou que um novato com uns 4 anos de empresa já é divisão. Como evitar isso? É um desrespeito aos colegas mais antigos e que detem conhecimento e experiência. Parece que é sobrinho de um político em Curitiba. O que devemos fazer para que o dinheiro público seja melhor usado. Quantos estao pasando necessidade enquanto cargos são distrbuídos na
    empresa? Precisa tdoos verificarem estas ditas da RP.
    Ou, muita gente para pouco gerente ou o contrário
    O que pensam os colegas?

  61. Acho que seria bom Os Sindicatos que ainda não divulgam as datas das reuniões periódicas de prestação de contas, tramites diversos, planejamento de estratégias. Que a façam aqui, pois assim como eu, acho que outros também tem vontade de participar destas reuniões como ouvintes, expectadores se é que é permitido. Umas sugestão. Valeu

  62. personavenia disse:

    TROCANDO DE CANAL.

    Com as mudanças estruturas, muita gente foi pra la praca novo super, novo isso, novo div,
    Mas e aí? O Super vai conversar com um por um? pra saber das expectativas, seus anseios e receios? Sua perspectiva com a nova área? Suas queixas com os novos colegas e chefes?
    Sobre os chefes, quando são ruins, a produtividade é baixa, pois o ambiente fica péssimo e é normal daí, os empregados desejarem sair.
    A RP diz que muita gente está, mas muita mesmo, insatisfeita e querendo mudar, mas é sempre a mesma coisa, a experiência, a vaga, and go on. A resposta do imediato é sempre a mesma: vai melhorar e enrolam o ego do empregado e nada acontece além do produtividade baixa e indignação do empregado, porém a satisfação do chefe que “evitou” problemas e garantiu seu cargo em alta.
    Mas a culpa é sempre do empregado, que quer buscar melhor condições de trabalho ou de ambiente, ou algumas vezes até para fugir do transito, de querer trocar de local de trabalho ou atividade. Não é o caso de troca da chefia caso ele seja o motivo do desejo de saída de pessoas da área? ou melhor seria, retirar a chefia da pessoa despreparada?.
    Afinal deseja-se produtividade, mas o chefe é produtivo? A forma de produtividade, dizem os mais revoltos, é que “chibata” era do milênio passado. E quem disse que naquela época se produzia bem, trocando os corpos a serem açoitados constantemente, pois as forças esmiuçavam-se. Hoje conhecimento e experiência é o valor e não se troca facilmente. Basta lerem a revistas especializadas em RH. Tá faltando gente capaciada em tudo que é canto.

    Peço ao sindicato que formule questionários e pesquisa sobre isso e também que faça posts de valorizaçãoes de questões como estas que ocorrem no daybyday.
    De nada adianta colocar que procurem o seu sindicato, denunciem, ouvidoria. Esta época já passou, pois a credibilidade é algo que está em baixa e uma forma de resolver isso é a de falar, aconselhar
    recomendar atitudes. Ajudar a Copel a selecionar melhor a gerência e a criar condições de melhor ambiente de trabalho e que motivem o empregado e daí produtividade maior, ambiente de trabalho bom.
    Quebrar o paradigma de que “quem é inteligente baixa a “oreia” e obedece”
    Muitos estão indo trabalhar desgostosos com a chefia imediata. E acreditem todos perdem com isso, inclusive a chefia, embora ele pense que está com o poder e na lei de Gerson.
    Se o Chefe é bom, os próprios empreegados corrigem os colegas de trabalho que se utilizam da lei de Gerson, pois o exemplo existe “de cima”.
    Hoje emregados buscam convites e depois comunicam com seu chefedireto. Isto está certo?

    E aí sindicato dá pra fazer alguma coisa educacional neste sentido?
    Hoje é nítido que ao gerência se serve dos empregados. Mas a postura correta é fornecer condições aos empregados para que ele trabalhem para a empresa e não para ele em si. Seu marketing pessoal.

    E aí sindicato dá pra fazer alguma coisa educacional neste sentido? Ajudar aos seus colegas?
    Algo mais e que não envolve salários?

    Muito agradeço aos leitores e peço comar-mos tocar idéias que são valiosas.

  63. pevermelhoo disse:

    Não sei o que é mais vergonhoso… esperar por um dinheiro que na verdade já teria que ser nosso (me refiro ao PCS defasado e inoperante, que faz a COPEL lucrar absurdos nas nossas costas)… ou um sindicato que faz uma votação as pressas, ANTES de sair o lucro no qual se baseia a divisão, MESMO SABENDO que a próxima reunião seria só dia 24/04… ou se somos nós que ainda esperamos alguma coisa do sindicato…

  64. pevermelhoo disse:

    Nenhuma informação ainda??? A reunião aconteceu mesmo???

  65. Gilson Auter disse:

    Pessoal, parem de encher o saco dos sindicatos, eles já receberam o deles e estão pouco se lixando pra nós, os tolos que caíram feito patos na onda da “maior plr da história”

  66. dluks82 disse:

    Não conheço a fonte mas, especula-se a data de 05/05/2014 para o pagamento da PLR…

  67. vamosaluta123 disse:

    Fontes Confiáveis confirmam PL dia 05/05/2014, e boatos de rádio peão que no dia 30 de abril será depositado um salário como premio produtividade (essa última notícia é ver para crer), mas o PL é garantido (só não se sabe quanto ao certo vai dar para cada copeliano), mas acima de 7 mil.

  68. kirk27 disse:

    Alguém soube de alguma novidade relacionada aos atendentes 4 horas? Por enquanto ninguém do sindicato ou de qualquer lugar se manifestou.

  69. vamosaluta123 disse:

    28/04/2014 – COPEL – PARTICIPAÇÃO NOS LUCROS E/OU RESULTADOS (site do Sindenel)

    COPELIANOS :

    Está agendado para hoje a tarde (28/04), na sede da COPEL, a assinatura dos sindicatos referente ao Acordo da Participação nos Lucros e/ou Resultados – PLR 2103, com pagamento em 2014. Assim que tivermos informações sobre a data do pagamento da PLR estaremos divulgando a todos os trabalhadores.

  70. kirk27 disse:

    Aprovando hoje, pagariam quando será?

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s