Demitido para abrigar novos aliados políticos de Richa, ex-secretário terá diretoria da Copel como “prêmio de consolação”

Apeado da Secretaria do Meio Ambiente para dar lugar ao deputado estadual peemedebista Luiz Eduardo Cheida, Jonel Iurk não ficará a ver navios. Ganhará como prêmio de consolação uma diretoria da Copel, informa o Blog do Zé Beto.

É mais uma demonstração de como o governador Beto Richa (PSDB) usa as vagas na direção da Copel como capital político-eleitoral pra atrair aliados com vistas à sua reeleição.

Ontem, Richa renomeou Fernando Ghignone presidente da Sanepar, após demiti-lo do cargo e indicá-lo para comandar a Copel. Por trás do vai e volta, a frustrada tentativa de atrair o ex-governador Orlando Pessuti, também do PMDB, para presidir a estatal de saneamento.

Nos bastidores, surge uma nova informação: Ghignone não ficou na Copel porque desejou receber a empresa com a “porteira fechada” – ou seja, com autonomia para nomear toda a diretoria.

Em meio à turbulência causada por tantas idas, vindas e politicagens, como fica a direção da Copel para os próximos meses? É bom nos lembrarmos de que cansamos de ouvir, nos últimos meses, que o cenário para nossa empresa é “desfavorável”.

Refazemos a pergunta: o que acham disso os acionistas da Copel? E você, copeliano? Use o espaço de comentários para dar sua opinião.

Anúncios
Esse post foi publicado em Notícias do Coletivo, Saiu na imprensa. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Demitido para abrigar novos aliados políticos de Richa, ex-secretário terá diretoria da Copel como “prêmio de consolação”

  1. Só a volta do briguento Requião!

  2. personavenia disse:

    Na Copel jogar dinheiro público esta na moda.
    A rewvolta contra os indicados, companheiros interbnos chega a milhares de reais realmente doados a quem não tem nem mesmo competência para o cargo\gerencia\viagem\curso,
    Cade a honestidade dos processos que tanto alardeiam? Pura falsidade.

  3. copelholding disse:

    É lamentável a politização que a empresa vem passando…..o nível gerencial da empresa é fraco…não conhece a empresa, muito menos o setor elétrico, mas são amigos do “rei”, e hj é isso que importa….se não bastasse, a inoperância alastrou tb para a Fundação Copel….faça um teste…tente ligar para o teleatendimento da fundação…..

  4. é verdade, inclusive via e-mail tá complicado!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s